“A Eterna Criança”: A psicodinâmica da auto-estima e a busca do processo de individuação

Fabiana Lopes Binda Graci

Orientador: Dr. Joel Sales Giglio

RESUMO:
Esta monografia aborda a psicodinâmica da auto-estima a partir dos conceitos que estruturam a personalidade de C.G.Jung.
A auto-estima é o sentimento de valor que o indivíduo tem sobre si mesmo, ela se estrutura a partir do relacionamento que a criança tem com seus pais, ou figuras de referência nos primeiros anos de vida.
A auto-imagem que o indivíduo tem de si mesmo desenvolve-se paralelamente com a noção de identidade. A formação do ego, da sombra e da persona estão diretamente relacionadas com a auto-estima.
Experiências de abandono que ocorram na primeira infância podem comprometer a capacidade afetiva, cognitiva, a formação da identidade e da auto-estima.
Para Jung, o arquétipo da criança representa a essência humana pré-consciente e pós-consciente. A partir desta vivência arquetípica o ser humano tem a possibilidade de rever suas experiências infantis de abandono e através da síntese dos opostos, a psique pode encontrar o caminho que leva a superação das projeções e à experiência da possibilidade de integração, ou seja, à Individuação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *