Maria Ieda T Osato Ikeda

Orientadora:Lunalva Fiuza Chagas

RESUMO

O objetivo deste trabalho é buscar uma ponte do Ocidente para o Oriente através de um antigo conto japonês, utilizando conceitos da Psicologia Analítica.  A noção do Nada, tão valorizada no Oriente, é de difícil compreensão para os ocidentais, que costumam valorizar a ação. Paz ou segurança em japonês é buji, contém a ideia do Nada em seu ideograma. O Nada não é o vazio, pelo contrário, apresenta uma completude que será discutida neste trabalho. A escolha do conto deu-se por possibilitar a união de dois aspectos. O primeiro refere-se à possibilidade da compreensão psicológica do processo de individuação segundo a teoria de Carl Gustav Jung. O segundo refere-se a um entendimento introdutório sobre a psique japonesa, observando as diferenças culturais entre Ocidente e Oriente. O conto escolhido aborda temas importantes como a transitoriedade da vida; e seus personagens, assim como o desenvolvimento da história, ilustram ricamente o universo arquetípico. Para uma melhor compreensão são feitas amplificações com a Alquimia.

 

Palavras-chave: Nada. Ocidente e Oriente. Psicologia Analítica. Conto. Alquimia.

 

Categorias: Monografias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *